Radio online

domingo, 30 de julho de 2017

Seguridade aprova multa de sete salários para quem realizar tatuagem em criança

Diego Garcia estabeleceu sanções econômicas por considerá-las mais eficazes
A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou projeto de lei que multa os estabelecimentos que tatuarem crianças, independentemente do consentimento dos pais. A multa será de sete salários mínimo, hoje equivalente a R$ 6.559. Em caso de reincidência, o estabelecimento será fechado.
No caso de adolescentes, o estabelecimento só será multado ou fechado se realizar tatuagem sem a autorização de um dos pais ou responsável.
Mudanças
O projeto (PL 3375/12) é de autoria do deputado Márcio Marinho (PRB-BA) e recebeu parecer favorável do deputado Diego Garcia (PHS-PR). Garcia apresentou um substitutivo que alterou o texto original em dois pontos.
A proposta criminaliza a realização de tatuagens em crianças ou adolescentes, punível com detenção e multa inseridas no Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40). O substitutivo optou pela infração administrativa, e sugeriu a inclusão da multa no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA - Lei 8.069/90).
Apesar de concordar com os argumentos do autor do projeto, que é contra tatuagens em crianças e adolescentes, o relator disse que a prisão não é o meio mais adequado para impedir a prática. “Corre-se o risco de criar um verdadeiro mercado negro de tatuagens infanto-juvenis”, disse Garcia.
Para ele, a aplicação de multa e a possibilidade de encerramento do negócio podem ser medidas mais eficazes como forma de repressão. “A experiência mostra que essas sanções, se efetivamente aplicadas, têm efeitos muito positivos”, afirmou.
Tramitação
O projeto será analisado agora na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Se aprovado, segue para o Plenário da Câmara.

ÍNTEGRA DA PROPOSTA:

Reportagem - Janary Júnior
Edição – Sandra Crespo

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'

sexta-feira, 28 de julho de 2017

Fundação Cultural oferece cursos de artes para cerca de 3 mil pessoas

Patricia Castro (Presidente da Fundação Cultural Maria das Dores Campos) 





Segunda-feira, dia 31, a Fundação Cultural Maria das Dores Campos abrirá as portas para anunciar a informatização do sistema de matrículas e as mais de 25 oficinas de artes e esportes que foram ampliadas pela atual gestão em 100% com o intuito de atender cerca de 3000 pessoas a partir da próxima semana.  


O comunicado oficial será feito durante um café da manhã que será servido a partir das 8 h ao prefeito Adib Elias, secretários municipais, imprensa, vereadores e outras autoridades convidadas.

Em seguida, a presidente da Fundação, professora Patrícia, fará uma prestação de contas das atividades desenvolvidas desde o início do ano e os projetos da entidade para este segundo semestre. O evento estará facultado também aos professores-instrutores, servidores da Fundação e ao público em geral. 


Das 25 oficinas, mais de 15 serão ministradas na sede da Fundação (Av. 20 de Agosto, 1900 – Centro) e nas escolas municipais da zona rural, onde inicialmente serão oferecidas aulas de canto, coral e violão. As outras dez vão acontecer no Céu das Artes, espaço da Fundação localizado no Parque Jardim Imperial, próximo ao CAIC.  

“Vamos abrir inscrições para capoeira, hip-hop, balé, violão, guitarra, baixo, violino, teclado eletrônico, piano, produção de instrumentos afro-brasileiros e muito mais”, adianta a presidente. 


A professora Patrícia informa ainda que os interessados deverão procurar a Fundação Cultural entre o dia 1º e 7 de agosto, entre as 8 e 11 h da manhã e entre as 14 às 8 da noite. Para se inscrever, eles deverão estar munidos de documentos pessoais e comprovantes de endereço. No Céu das Artes, as inscrições deverão ser feitas entre as 13 e 18h. As aulas começam dia 8, terça-feira da outra semana.

A partir desta segunda-feira, a relação completa dos cursos e os pré-requisitos que serão exigidos aos futuros alunos estarão na Fan Page no Facebook da Fundação e também num vídeo produzido pela Secretaria Municipal de Comunicação que será veiculado no site da Prefeitura de Catalão. Maiores informações através do telefone (64) 3442-3998. 
Fonte: Ascom Fundação Cultural 
Fonte: Retirada da Internet

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Rebelião na cadeia de Jussara com 5 presos mortos e 8 fugitivos

Uma rebelião entre os presos terminou em mortes e fugas na cadeia de Jussara-GO que a fica a 190 km de Barra do Garças. De acordo com a polícia, por volta das 18h30 os presos entraram em luta corporal com cinco presos mortos e oito conseguiram fugir levando 4 revolveres dos agentes penitenciários que nada sofreram durante a confusão.

Os agentes penitenciários conseguiram pedir apoio da Polícia Militar (PM) e da Polícia Civil (PC) no sentido de recapturar os fugitivos. No momento a situação já está sob controle na cadeia com os presos que ficaram sendo colocados numa ala isolados.

Na verdade o que sobrou da cadeia após essa rebelião. A PM pediu reforço de outros cidades para ajudar o sistema prisional. Um dos motivos das rebeliões nas cadeias ultimamente tem sido a guerra entre as facções Comando Vermelho (CV) e Primeiro Comando da Capital (PCC) que estão cada vez mais presentes no sistema prisional brasileiro.
Fonte: Araguaia Noticias

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Adib estuda possibilidade de mudar local das barracas da Festa do Rosário, Leonardo Bueno disse que se isso acontecer ele deixa a irmandade do Rosário

O presidente da irmandade do Rosário Leonardo Bueno concede entrevista no programa Catalão em Ação da rádio LASER FM nesta quarta feira 19/07, Bueno deixa transparecer sua preocupação e revolta com alguma proposta de mudança na festa do Rosário. Léo afirmou se caso a festa não acontecer ali pode ter certeza que eu serei ex-dançador de congo, e vou deixar a irmandade também, porque ai é o fim da minha esperança e vou dar uma afastada.



Leonardo Bueno disse que teve uma audiência com o prefeito de Catalão Adib Elias para tratar de mudanças na festa do Rosário, uma proposta que foi apresentada ao SEBRAE junto com o ACIC CDL para fazer um estudo e elaborar um projeto de mudanças da tradicional festa, após a reunião ficou decidido que Leonardo Bueno representaria a Irmandade do Rosário, o César Safatle representando o ACIC CDL e a prefeitura representada pelo secretário de indústria e comercio Ricardo Camargo, o presidente da irmandade disse que nas reuniões aconteceram os debates para chegar em um acordo, disse aisda que depois de bastante dialogo o projeto ficou pronto.

Leonardo falou que foi apresentado um projeto da prefeitura para tirar as barracas de onde acontece todos os anos e colocar na rua que dá acesso ao SENAC seguindo pela a Av Raulina Paschoal sentido represa do clube do povo, o presidente da irmandade do rosário pontuou que isso vai tirar o foco da festa, uma vez que naquele local onde é realizada a festa já é uma tradição desde que começou a cerimônia em homenagem a Nossa Senhora do Rosário a 141 anos atrás, outro motivo pontuado por Léo da Filó é que no local onde pretende colocar as barracas a um grande risco de uma criança ou até mesmo um bêbado sair correndo e cair no córrego pirapitinga e se machucar muito e até mesmo levando a morte, pois se isso acontecer a responsabilidade passa ser da prefeitura por mudar o foco da festa para um local de risco, porém no local que realiza a festa todos os anos se acontecer algum tipo de acidente passa ser uma fatalidade porque ali não tem risco.

O Presidente da Irmandade do Rosário lamenta também sobre o 9º Encontro das Congadas que não vai acontecer este ano por falta de apoio dos órgãos públicos.

Leonardo Bueno finalizou a entrevista bastante desanimado com dizeres bruscos, ele disse, "gosto tem limite e vai até certo momento", pois vou brigar até o 29 de setembro para que a festa do rosário aconteça no local de sempre, mas se caso a festa não acontecer ali pode ter certeza que eu serei ex-dançador de congo e vou deixar a irmandade também, porque ai é o fim da minha esperança e vou dar uma afastada, pois é difícil tentar fazer uma coisa dentro da real tradição e só levar pedrada.

terça-feira, 18 de julho de 2017

SACOLÃO DA ECONOMIA: PROMOÇÃO TOTAL "APROVEITE ESSES PREÇOS PORQUE VÃO DURAR ENQUANTO TIVER ESTOQUE".

Sacolão da Economia frutas e verduras fresquinhas de qualidade, um açougue completo, quem pega carne não pega dinheiro, higiene total.



Veja promoção de Hortifrúti e carnes:

Banana prata, Repolho e Batata $ 99,00.
Cebola, Cenoura, Cara, Maçã e Batata Doce $ 1,99.
Tomate e Abacaxi $ 2,99.
Laranja $ 1,49.


Costela bovina $ 6,99.
Carne de 2ª $ 11,99,
Coxão Mole, Patim, Paloma $ 15, 99.
Alcatra $ 23,99.

Contra Filé $ 23,99.

Sacolão da Economia: Rua Portugal Porto Guimarães 251, Bairro Nossa Srª de Fátima Catalão- Tel: (64) 3411-3699

Calçados conduz mais de 400 mil tipos de bactérias e devem ser deixados do lado de fora de casa

Existem micro-organismos em todos os lugares e os sapatos não estão livres deles. Isto é fato! A maioria não costuma causar doenças. No entanto, existem aqueles vírus e bactérias que podem acarretar doenças, principalmente, em crianças menores de dois anos. Por esta razão, a enfermeira do Serviço de Controle de Infecções do Hospital Geral do Estado (HGE), Rosângela Cavalcante, alerta que o hábito de tirar os sapatos antes de entrar em casa é recomendado.
Ela salienta que esse gesto deve ser adotado, principalmente, em residências em que vivem bebês, pois eles costumam engatinhar com as mãos no chão e depois levá-las à boca. Isso porque, segundo a enfermeira do Serviço de Controle de Infecções do HGE, é possível encontrar mais de 400 mil tipos de bactérias nos sapatos.
“A maioria delas causa grande desconforto intestinal, vômitos e diarreias. Imagina uma criança que coloca tudo na boca circulando em uma casa que os sapatos não ficam na porta? Um perigo. Por isso, quanto menos sujeira levarmos para dentro de casa, menor a chance de sermos contaminados”, orientou.
A bactéria mais comum encontrada na sola dos sapatos é a Escherichia Coli, que pode causar diarreia, infecção urinária, doença respiratória e até pneumonia. Também é possível encontrar Clostridium difficile, bacilo responsável por doenças gastrointestinais e quantidades relevantes das bactérias responsáveis pelas infecções do sistema urinário, pneumonias e outras doenças dos tecidos moles e das feridas abertas. Já a S. marcescens pode causar conjuntivite, queratite e, em casos mais raros, meningite e endocardite.
Repórter: Neide Brandão

Repórter Fotográfica: Carla Cleto

sexta-feira, 30 de junho de 2017

PRF REGISTRA MAIS UM ASSALTO A ÔNIBUS NA BR 050

Nesta quinta feira, 29, por volta de 11:30, um ônibus da empresa ENTRAM que saiu de São Paulo com destino a Brasília, foi abordado no km 125, nas proximidades Domiciano Ribeiro, cerca de 160 quilômetros de Catalão, por um veículo GM/Vectra Hatch de cor prata. O veículo era ocupado por quatro assaltantes que abordaram o ônibus mostrando armas de fogo e obrigando o motorista parar. Os assaltantes entraram no ônibus e obrigaram o motorista seguir até uma estrada vicinal, no acesso a Buritizinho.

Encapuzados e armados com revolver, pistola e uma arma longa, ameaçavam os passageiros o tempo todo. Os bandidos, passaram recolhendo os pertences dos 22 passageiros e recolheram alguns pertences das malas que estavam no bagageiro. Após a ação os meliantes fugiram tomando rumo ignorado. A PRF fez o registro do fato e trabalha juntamente com a polícia civil para identificar os envolvidos e inibir novas ações.

Fonte: PRF