Radio online

quinta-feira, 16 de março de 2017

Campanha alerta para necessidade do uso racional da água

A MGO Rodovias iniciou nesta semana campanha de celebração do Dia Mundial da Água – 22 de março e de conscientização dos usuários da BR-050 sobre a importância do uso racional e sustentável da água.  O objetivo é estimular todos a colaborarem, evitando desperdícios e reduzindo o consumo coletivo.

Para sensibilizar os motoristas, foi criado um cartaz para a campanha, afixado nas cabines de cobrança manual das seis praças de pedágio e nas nove SAUs – unidades operacionais e de atendimento aos usuários na BR-050 - e anúncio na Revista Boa Companhia, da MGO. Além disso, a concessionária instalou seis outdoors ao longo da BR-050, em MG e GO; divulga mensagens destacando a necessidade de economia e redução do desperdício de água nos seus Painéis de Mensagens Variáveis (PMVs) eletrônicos na rodovia; no Twitter:@MGORodovias e no site: www.mgorodovias.com.br

Celebrado mundialmente desde 22 de março de 1993, o Dia Mundial da Água foi recomendado pela ONU (Organização das Nações Unidas), durante a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, a Eco-92, no Rio de Janeiro, visando a conscientização sobre o uso racional deste importante recurso natural. Desde então, as celebrações ao redor do mundo acontecem a partir de um tema anual, definido pela própria Organização, com o intuito de abordar os problemas relacionados aos recursos hídricos. Neste ano, o assunto que pautará as discussões do setor de recursos hídricos em todo o mundo será “Água Residual”.
“O uso racional dos recursos hídricos tem grande importância por afetar diretamente diversas atividades humanas. Por meio desta campanha procuramos conscientizar as comunidades da região e os usuários da rodovia sobre isso, uma vez que a rodovia tem uma área de abrangência significativa e ações praticadas pelos próprios usuários podem afetar os recursos hídricos interceptados por ela”, diz o coordenador de Meio Ambiente da MGO Rodovias, Emerson Machado.

Fonte: Assessoria MGO rodovias 

Nenhum comentário:

Postar um comentário