Radio online

sexta-feira, 17 de março de 2017

Frigorifico BRF de Mineiros GO envolvido na operação carne fraca foi barrado com carnes podres e com Salmonela

Diálogos interceptados na Operação Carne Seca, deflagrada nesta sexta-feira (17), indicam que um carregamento de carnes do frigorífico da BRF em Mineiros (GO) foi barrado em um porto da Itália por conter indícios de Salmonella, bactéria que causa infecção com vômitos e fortes diarreias.

A bactéria foi identificada em pelo menos quatro contêineres. A planta da empresa, porém, continua em operação -segundo a PF, por interferência ilícita de fiscais do Ministério da Agricultura, que recebiam propina da empresa.

A conversa entre o executivo André Baldissera, diretor da BRF para o Centro-Oeste, e um interlocutor não identificado ocorreu na última segunda-feira (13).

Os dois afirmam que as autoridades italianas identificaram "infrações repetitivas", e que, no caso de mais um alerta, a planta de Mineiros poderia ser suspensa em definitivo das exportações ao mercado europeu.

Eles também falam em fazer "uma força no ministério" para impedir novos alertas, e de passar em exportar a carne para o porto de Roterdã, na Holanda.


O executivo da BRF foi alvo de uma prisão preventiva nesta sexta (17).

Nenhum comentário:

Postar um comentário